Letra: “Apenas duas lágrimas” (Chorinho)

“Oiço dizer: Seu rosto faz sonhar!
Serão pétalas de rosa ou de luar?
Talvez a neve que chorou o Inverno…” Florbela Espanca

Apenas duas lágrimas

Assim
Chegou
Do coração
Nem tive mais o que dizer
Para você se consolar

Quanto tempo se foi pela vida
Vendavais
Quantas juras eu acreditei
Sem haver jurado
Amei

Assim
Nem sei
Mais esconder
Que o que houve um dia entre nós
Chegou ao seu fim

Venho lhe pedir
Que alimente a mágoa
A sós
Pois o meu coração
Achou
A ternura e a paz
Sim

Por favor, solte as cordas
Que prendem sãs
Não se esconde
O amor
Dentro de
Um porão
Sem luz

Não posso esquecer
Tantas lágrimas que derramei
Pois tentamos com a ilusão
Segurar esse amor
Que cresceu

Que desabou
Aos poucos
E agora só restamos
Duas lágrimas
Assim, pelo chão

Apenas duas lágrimas

Melodia: Waldir Silva

Letra: Raphael Vidigal / Acir Antão

Intérprete: Lígia Jacques

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
Email

Comentários pelo Facebook

14 Comentários

  • Maravilha de choro, Raphael. Lígia, sempre afinada e cheia de emoção. Parabéns!

    Resposta
  • Que liiinnnnnndddoooo! “não prenda o amor num porão sem luz”. Adorei Raphael Vidigal! Parabéns aos compositores e parabéns a Lígia Jacques pela interpretação!

    Resposta
  • Obrigada, Júnia e obrigada, Raphael, por nos presentear com essa pérola de letra! Em parceria com os Mestres Waldir Silva e Acir Antão, luxo só!!! Fiquei muito feliz e honrada em ter cantado em primeira mão. Esperamos outras! Abraços!

    Resposta
  • Lindas: música, letra e interpretação!
    Parabéns! Pura poesia, Raphael!
    Beijos…

    Resposta
  • Obrigado a todos por prestigiarem a mim, a Lígia Jacques, Waldir Silva e Acir Antão, todos parceiros queridos. Abraços

    Resposta
  • Valeu, Raphael! Vocês me presentearam com uma pérola. Fico muito honrada em ter sido a primeira intérprete dessa maravilha! Obrigada. Beijos!

    Resposta
  • Você é grande, Raphael Vidigal!!! Parabéns! Lígia merece. E eu também quero…. pra cantar debaixo do chuveiro, que seja…

    Resposta
  • querido amigo e talentoso letrista só tenho a agradecer de coração a todos voces bjs waldir—-

    Resposta
  • Rapha, adoro ler suas matérias. Você é Phodda! Abraço, querido!

    Duas figuras que adoro… Liginha e Waldir! Beijão, queridos!!

    Merecida dupla homenagem.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Recebas as notícias da Esquina Musical direto no e-mail.

Preencha seu e-mail:

Publicidade

Quem sou eu


Raphael Vidigal

Formado pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, atua como jornalista, letrista e escritor

Categorias

Já Curtiu ?

Amor de morte entre duas vidas

Publicidade