Elis Regina (Cantoras brasileiras)

30 anos de saudade

Elis Regina, a voz das Madalenas, Marias e Clarices.
A voz que brinca moleque o sonho de criança e ensina como nossos pais sobre as agruras do dia a dia.
A voz que dançou na bossa ao lado de Jair Rodrigues.
Durante seus 36 anos de vida, Elis Regina nos deu uma certeza.
A certeza de que no momento em que canta tudo é possível, desejado e permitido.

“Minha dor é perceber
Que apesar de termos feito
Tudo o que fizemos
Ainda somos os mesmos
E vivemos como nossos pais

Elis é essa força que vem de dentro e explode na superfície, nos olhos fechados, no sorriso largo, nas sobrancelhas em pé que lhe conferem aquele ar desafiador, provocante e destemido.
Nas mãos que movem-se para o alto, procurando no espaço vazio a verdade torturante daquele momento, inquietas, intensas.
Tudo parece vibrar com sua voz.
Tudo pulsa, lateja, transborda em Elis Regina.

“A tua mão no pescoço
As tuas costas macias
Por quanto tempo rondaram
As minhas noites vazias”

Elis Regina é essa vontade de cantar o mundo em todas as suas notas, acordes e versos.
E ela canta.
Com fé cega e faca amolada, compreende em seu canto todo o velho, o novo, o nada será como antes.
Compreende em sua voz todo o mundo.
Os bêbados, as equilibristas, as águas de março e as romarias.

Elis Regina é a vida no limite, a canção, a voz que ultrapassa limites.
Que alcança os tons mais distantes e os corações mais escondidos.
Sublinhando com tinta quente, que arde como pimentinha e varre como furacão, todos os contornos possíveis da melodia.
Ninguém é mais o que canta do que Elis Regina.

“Poema divino cheio de esplendor
Teu sorriso prende, inebria, entontece
És fascinação, amor”

Elis Regina canta, sempre canta, música e vida.

Raphael Vidigal

Lido na Rádio Itatiaia por Acir Antão dia 21/03/2010.

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
Email

Comentários pelo Facebook

20 Comentários

  • Achei o texto sobre a Elis ótimo!!!!!!!!!!
    Uma biografia emendada com as obras da cantora com um toque de suavidade e leveza que adoro!

    Resposta
  • Amei o texto Raphael, a Elis Regina não é da minha época, mas consegue me deixar com saudades rs. Parabéns pelo site!

    Resposta
  • Isso mesmo. Elis é tudo isso. Eu tive a felicidade de assisiti-la no show Trem Azul no Palácio das Artes. Sei que são poucos artistas como ela: que fazem a diferença. E é o que tento fazer no momento em que canto. Mais uma vez você arrebenta nesse belo texto. Siga em frente, Raphael. Estamos ávidos de bons escritores e críticos musicais.

    Resposta
  • Muitíssimo obrigado, Mauro! Suas palavras me enobrecem e incentivam. Com certeza você atinge o objetivo quando canta. Grande abraço!

    Resposta
  • Que lindo, Raphael! Adorei este texto!
    Parabéns pelas belas palavras! Continue escrevendo sempre e sempre!!!

    Resposta
  • Raphael tudo bem?? sou cantora e amo a Elis (www.mariabutcher.com.br) e estou montando uma homenagem para Elis, este texto acima eh seu?? tem interesse em divulga-lo… entre em contato por favor…obrigada

    Resposta
  • Muito obrigado pelo interesse no texto, Maria. Já entrei em contato. Abraços

    Resposta
  • Um texto muito lindo, ELIS merece todas homenagens!……Parabéns!!!

    Resposta
  • Obrigado, Isaura! Fico feliz por suas palavras. Espero que volte sempre ao site! =)

    Gracias, Rafael Calderón! Elis é demas!

    Resposta
  • sem palavra apena obrigado por traze nossa amada Elis Regina ela foi e sempre será um grande talento …

    Resposta
  • Lindo esse texto sobre Elis e sua força transmitida através da música.
    Muito emocionante. Levou-me ‘as lágrimas!
    Obrigada pela oportunidade de ler.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Recebas as notícias da Esquina Musical direto no e-mail.

Preencha seu e-mail:

Publicidade

Quem sou eu


Raphael Vidigal

Formado pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, atua como jornalista, letrista e escritor

Categorias

Já Curtiu ?

Siga no Instagram

Amor de morte entre duas vidas

Publicidade