Dia dos namorados: Par Perfeito (Literatura)

“Nunca eu tivera querido
dizer palavra tão louca:
bateu-me o vento na boca,
e depois no teu ouvido.
Levou somente a palavra,
deixou ficar o sentido.” Cecília Meireles

Dia dos namorados

Meu par perfeito, só para começar, precisa de muitos defeitos, no mínimo uns quatrocentos.

Meu par perfeito, em segundo lugar, há de brigar comigo, e se indignar, afinal se não notar os meus “poucos” defeitos, sinal de que não me vê direito.

Meu par perfeito, em terceiro lugar, precisa de várias manias, ter tiques de se irritar e blá blá blá, senão não me conquistará.

Meu par perfeito, quarto lugar, não pode jamais esbanjar: perfeição, confiança e honestidade, caso contrário, logo de cara não irei confiar.

Meu par perfeito, como qualquer outro par, há de ter o que esconder, e sinceramente, não é tudo que quero saber.

Em conversa de surdo-mundo, quase ninguém crê.

Meu par perfeito, quinto lugar, precisa imprecisamente precisar, minha auto-ajuda e proteção, sendo eu IBAMA ele é leão.

Meu par perfeito, pra finalizar, tem que ter o cérebro maior que a barriga, ou então…lombriga!

Par Perfeito Literatura

Raphael Vidigal

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on linkedin
LinkedIn
Share on email
Email

Comentários pelo Facebook

28 Comentários

  • Quem não quer um par perfeito, né Raphael? O maior exercício da alma deve estar nesse bem. Tom Jobim não deve ter se enganado com a letra de Wave; “É impossível ser feliz sozinho” e você completa bem, o pensamento, com seus mais de quatrocentos defeitos. Genial!

    Resposta
  • e vc me manda isso? eu sou solteiro!
    e meu par perfeito não precisa de defeitos nenhum, esse seu eu lírico está bem delimitado ao autor, que fiquei bem claro

    Resposta
  • vi!!!!!!!!
    amei seu texto…sempre amo todos…vc tem a manha!!!!apesar de parecer que nao é vc quem os escreve, pq seus textos sempre ficam muito foda…uahauhauh
    vc realmente tem jeito com as palavras….meu escritor favoritooo..
    amoooooooooooooooo
    beijaoo

    Resposta
  • Amei Vide!!!!
    Acho que o melhor viu!
    Escreve muito bem amigo. Já leu “Os cem melhores contos do século”?
    Bem sua cara! Dá uma olhada.
    Beejo Beeejo

    Resposta
  • vidigal, um filósofo!!!hehehe

    da hora seus textos!!

    abraço bixo doido

    Resposta
  • Vidi,vidi.
    Quem diria q por tras desse cara louco tem um escritor bom desse jeito. =)

    Adorei.

    beijoos

    Resposta
  • viviiiii…
    qm diria … vc escrevendo textos bons… uauahuahauhau…
    adoreiiiii…
    principalmente as frases marcantes …hauahuahua
    bjuuuuu

    Resposta
  • Nossa Vidi , parabéns pelos textos… Você vai se tornar um grande poeta, continue assim, sou super orgulhosa em ter vc como amigo… aho lindo seu jeito de ser.. Bjs

    Resposta
  • ei Raphael!!
    sempre confiei no seu taco neh?
    num eh a toa que tenho uma pasta no meu pc chamada “vidigal” com seus textos que sempre releio!
    hehehehhehe
    ameeei esse…
    nunca tinha lido nenhum texto seu parecido com esse tema.. me surpreendeu mocinho!
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk..

    saudades!
    bjaum!

    Resposta
  • Há!mtos anos q nao comento aqui…ja li tds no minimo 54674vzs…mais ESSE,esse q eu li agora…MEU DEUS!ameiiiii mais q tds!auhahuahuahuahua afinal,”O romantico é sincero até qdo mente!” neh nao?! caiu como uma luva digalzim…vou pegar seu texto pra me guiar!!!Vc ta demais…eu simplismente adoro tds…!!!vou começar olhar com um ar mais critico,e selecionar os melhores pra instigar mais ainda vc!artista…autenticooo!adooooooro!sucesso sucesso!!!=) bjaaaaaaum digaaaal

    Resposta
  • Vidiii!!
    Ficoou lindoo seu textoo meu beem!
    Adoreii como adoro sempre tudp que vce faz!
    Parabéns meu beem!
    Vccê vai longee!

    Resposta
  • Pode ser que vc tenha mais de um par,mas tem o preferido…pena vc não perceber .. ehhhhhh
    hahahahahah
    ficou do caralho.
    abrax

    Resposta
  • Vidiii, adorei! Sempre inspiradores seus textos…
    e esse faz brotar suspiros… hehe

    Resposta
  • E não preciso comentar, né…
    Lindo! Lindo! Lindo!
    Me tocou desde a primeira vez!!

    Resposta
  • ‘ Meu par perfeito, como qualquer outro par, há de ter o que esconder, e sinceramente, não é tudo que quero saber. ‘ curti demais *—*

    Resposta
  • Hoje li com calma e gostei bastante. Principalmente da parte “Meu par perfeito, em segundo lugar, há de brigar comigo, e se indignar, afinal se não notar os meus “poucos” defeitos, sinal de que não me vê direito.”

    Resposta
  • Como sempre, seu texto é muito agradável de se ler.
    Muito bom!
    Parabéns, Raphael! Beijos…

    Resposta
  • Obrigado a todos que compartilharam das alegrias deste texto comigo! Voltem sempre =) abraços!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Recebas as notícias da Esquina Musical direto no e-mail.

Preencha seu e-mail:

Publicidade

Quem sou eu


Raphael Vidigal

Formado pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, atua como jornalista, letrista e escritor

Categorias

Já Curtiu ?

Siga no Instagram

Amor de morte entre duas vidas

Publicidade

PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com